18 de dezembro de 2009

Bicarbonato de Soda


Álvaro de Campos

Continue lendo >>

16 de dezembro de 2009

Segundo trailler do filme "Alice in Wonderland" do Tim Burton

Uma palavra? FODA

Continue lendo >>

14 de dezembro de 2009

Much Farther to Go ...

New York is lovely in the winter time
The sidewalks are white as snow
The buildings, all the people that pass me by
How the smile on his face says he's in love

I took the train all the way to Brooklyn Heights
I remember when you took it there with me
We sat side by side and held hands for sometime,
Misalluded the Statue of Liberty

And I have much farther to go
Everything is new and so *unpredictable*
I should just click my heels together and go home
But I'm not sure where that is, anymore

Oh how I wish I could go back in time
To the night when I heard my mother cry
She held me in her arms
And we talked for sometime
And I sang a song her mother sang to her

It goes, something about paper dolls and what men preffered
Something about the cross and how her Jesus died for her
Something about love and how it's worth fighting for
I wondered does love like that exist anymore?

And I, I have much farther to go
And I, I'm so confused I know
I should just click my heels together and go home
But I lost my way (back home)
When I lost you

Sometimes I cry when it's late at night
And you're not there to lay next to me
Morning breaks and the sun warms my face
How I wish it were you warming me


Continue lendo >>

9 de dezembro de 2009

Cartinha de um fã para Mariah

Prezada Sra. Mariah Carey,

Venho por meio desta reclamar, veementemente, da profunda falta de respeito que a diviníssima tem com todos que um dia acompanharam ou ainda acompanham sua carreira.

Quando você fez sua estréia no mundo musical, na década de 90, foi aclamada pela crítica especializada por suas habilidades vocais, recebeu vários prêmios e foi considerada uma das maiores cantoras femininas da década.

Sabemos que passou por problemas de ordem pessoal e profissional, logo após ter deixado a Columbia Records e assinado o maior contrato da história para um artista solo com a Virgin Records. Situações que culminaram numa crise nervosa, pitis de Diva e fracasso de vendas.

Em 2005, após dois anos fora da grande mídia, você lança o The Emancipation of Mimi, o álbum mais vendido do ano nos Estados Unidos. Em abril, do ano passado, lança E=MC² continuando sendo
apenas mais do mesmo. Em maio, do mesmo ano, se casou com o rapper Nick Cannon secretamente, com apenas um mês de namoro e ainda disse ter encontrado sua "alma gêmea" (aham).

Nem vou comentar sobre o Memoirs of an Imperfect Angel, lançado esse ano, porque, né? Deixa pra lá...

Enfim, tivemos paciência pra todos suas excentricidades, até você lançar esta pérola:




MEU DEUS, o que é isso? Cadê o roteiro? Cadê o objetivo? NNão entendi nada! Estou achando que a Universal está cortando suas verbas para produção de clipes ou você aprendeu a mexer no Windows Movie Make para editá-los (editar?).


Não dava pra fazer um clipe que tem alguma coisa a ver com a letra da música? Tudo agora é seu corpo de adolescente (hahahaha.. desculpa, sou um ótimo piadista)? Por que se enfiar num maiô que DEFINITIVAMENTE é menor do que seu manequim e gastar milhões em uma gravação no Havaí ?!?

Não tem jeito, Mariah, você se perdeu de vez… a voz se foi, e a dedicação à carreira foi junto.

Atenciosamente
Fã indignado


Ai, arrasei, tô ótima!

Continue lendo >>

7 de dezembro de 2009

Eu te amo!

Continue lendo >>

4 de dezembro de 2009

A vida é recheada de escolhas...


- Eu começo a me sentir como uma fraude total. Acho que o modo de que gosto de pensar em mim e no modo que realmente sou... talvez sejam muito diferentes do que eu gostaria, sabe? Eu acho que tinha 17 anos quando alguém me perguntou o que eu queria fazer quando fosse grande. E eu disse que queria ser artista. E não acho... Não, na verdade eu sei que nunca terminei um simples maldito projeto em toda a minha vida.


- Posso te dizer algo que eu nunca disse a ninguém?

- Sim.

- Logo que me mudei para Seattle, com 18 anos, eu me sentia muito sozinho. Alugava filmes o tempo todo porque não tinha amigos. E tinha um cara... o viciado em videolocadora que recomendou um documentário sobre Frank Lloyd Wright. Normalmente não aceito recomendações, mas disse a ele, "Claro". Algo nele me fez dizer isso. Eu assisti, e era um pouco árido e chato, e o devolvi no dia seguinte.

E ele olhou para mim e disse a ele que achei o filme realmente maravilhoso. Não sei porque disse isso, já que não sou de agradar pessoas, mas havia algo nele... E rapidamente descobri que esse era o primeiro numa série de 10 CDs. Então ele me deu o segundo CD, levei pra casa e assisti e gostei menos ainda. E estava determinado a voltar e dizer a ele a verdade desta vez.


E, quando eu cheguei, olhei para ele e disse: "O segundo foi ainda melhor que o primeiro".


E o ciclo continuou.
..

Eu o via todo dia e aluguei todos os CDs até o décimo. E, quando eu terminei, fiquei muito triste porque já não teria que falar com ele na loja. E eu fui para casa e não parava de pensar nele, e nas... bermudas de brim ... e suas pernas brancas e peludas ... e nos grandes olhos azuis. E comecei a me imaginar beijando ele, e realmente não era muito estranho.


E comecei a pensar em suas bolas... e como seriam peludas ...e me assustei tanto que nunca mais voltei à Videolocadora.


Só sinto que você deveria saber disso...


Trecho do filme Humpday

Continue lendo >>

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO