16 de janeiro de 2009

Em tempos de post pago, a "velha mídia" também comete algumas mancadas

Eu, como um bom cinéfilo, adoro ler bons textos a respeito de filmes que futuramente irei assistir (ou não). Por isso, com o decorrer dos anos, aprendi a separar e saber identificar o que era uma resenha “comprada” (aquelas encomendadas pelos grandes estúdios e que fazem parte do material promocional de determinado filme), daquelas que, para mim, soavam genuínas.

As resenhas criticas da Folha de São Paulo sempre foram um bom exemplo de texto (quase) genuíno, onde tentavam refletir a real percepção, e impressão, do critico diante do filme resenhado.

Pois bem, daí que hoje lendo uma critica positiva do filme "O Curioso Caso de Benjamin Button" na versão impressa do jornal, pelo site, eu me deparo com isso:



(clique na imagem para ampliar)


Complicado, né?

Em tempo, onde todo mundo questiona a veracidade das informações do ditos “post’s pagos” da blogosfera, a “velha mídia” precisa começar a ter mais atenção com esse tipo de atitude.

Fica a dica

-----------------------------------

P.S: Antes que falem coisas como "Nossa, como você é inocente, hein? Hoje todo mundo sabe que é depto comercial que decide as pautas dos jornais", já aviso: Sim, estou careca de saber disso. Mas, dá pra ser mais discreto?

P.S2: É óbvio que a critica publicada, com esse tipo de marketing, não desqualifica o filme. Ou você acha que só utilizo UMA fonte de informação para conhecer/saber sobre determinado assunto? Além do mais, a visão de um critico não determina a minha vontade de assistir ou não a um filme. Determina a sua?

6 deixaram seu recado:

Miguel Andrade 16 de janeiro de 2009 16:19  

Não determina, mas dá uma ajudinha. Uma vez vi uma senhora comentando na fila do cinema: "Benzinho, quantas estrelinhas fulano deu pra este filme?"

Daniel 16 de janeiro de 2009 16:50  

Mas será que não foi só coincidência o banner na página da crítica? < /inocente>

Rubens Oliveira 16 de janeiro de 2009 16:53  

Esse é o problema!

Esta coincidência NÃO poderia ocorrer.

;-)

Vítor Carvalho Ferolla 20 de janeiro de 2009 14:19  

O PAVA está fazendo uma Newsletter só para blogueiros e dessa vez é sério.

Para entrar na lista basta me enviar um e-mail com seu Nome, E-mail e Endereço de Blog e Data de Aniversário para:

amigodopava@gmail.com

Obrigado!

Marcos Freitas 24 de janeiro de 2009 21:07  

Hum, acho que são banners rotativos, as produtoras investem pesado em mídia, inclusiva comprando pautas. Isso ocorre até em blogs, pode acreditar.

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO