4 de setembro de 2008

SEM PALAVRAS

Sabe, já me decepcionei muito em relação à amizade. Tive inúmeros desgostos no decorrer da minha vida, pelo simples fato de acreditar em um sentimento que em suma deveria ser recíproco, porém nunca existiu, onde apenas fui me dar conta após quase 10 anos de mentira.

Enfim, hoje lendo esse post no blog do Serginho, não consegui me conter e comecei a chorar. Não foi um choro triste. Foram lágrimas de uma emoção contida. Sentida. Daquelas que a gente só derrama quando se sente querido e acariciado de maneira tão pura e calorosa.

Por isso, fico aqui me perguntando, como pode pessoas que nem conheço no mundo “real” serem capazes de gestos tão simples, mas que acabam sendo extremamente avalassadores e capazes de aquecer um coração tristonho?

Acredito que não existam respostas pra isso.

Ah, também aproveito pra falar que dias desses, postei no Twitter, na brincadeira, que precisava de fones de computador e se alguém gostaria de me “doar” um. Daí que para minha surpresa, um dos meus seguidores se manifestou dizendo que tinha dois e que me mandava um sem problemas.

Gente, como assim? Quantas vezes alguém nos dá algo que “está sobrando”?

Sério, depois deste gesto comecei a voltar a acreditar no ser humano e de que, sim, existem pessoas capazes de agir sem esperar nada em troca, como o caso citado.

Obrigado , obrigado Serginho e meu obrigado de coração a todos os demais , que sempre me visitam e deixam suas mensagens e comentários por aqui!

Ah, olha o fone mais bonito e legal do mundo dos fones! :P


Eu tenho e você não tem! Lero, lero! hehe

11 deixaram seu recado:

Estefanio 4 de setembro de 2008 20:45  

To precisando de um carro novo!



*esperando vc dizer que ta me mandando um*

Se sensibiliza ai, pô!

Zé Hilário 4 de setembro de 2008 20:47  

hahahahahha ai fio, e eu pensando que tava entregando um fone de ouvido com defeito, pq tipos: oi? sou pobre e não tenho Notebook, daí que esse fone eu usava no meu antigo computador (que foi destruído por um vândalo, história pra contar depois)e no novo (daqueles de promoção sabe??? hahaha) não funcionava de jeito nenhum.. ficava sempre com mal contato... mandei pra vc.

Ainda bem que funciona direito.
E como dizem la em Hellcife: Oxi!
Nem preciso de nada em troca, sei la, é bom fazer o bem as vezes sem saber pra quem é, ou sem esperar algo em troca né? :)

ok... ia falar mais coisa, mas escrevo no post debaixo!

Serginho Tavares 4 de setembro de 2008 20:53  

eu acredito plenamente que coisas boas acontecem para pessoas boas
e por isso você recebe essas dádivas
porque as merece!
e me add la no msn moço
deixei no outro post o endereço mas repito aqui:
antoniosergio@gmail.com

beijos

Serginho Tavares 4 de setembro de 2008 20:54  

e olha como o mundo é pequeno: o zé é meu amigo
hahahaha
:*

Clebs 4 de setembro de 2008 23:18  

ai... eu estava assim, e só é alguém pisar na bola comigo que eu volto a ser assim...

E o engraçado é que o mais simples ato se torna enorme e importante, faz tudo ficar bem...

Depende mais da quente...

Mabe 5 de setembro de 2008 07:58  

Parabéns....isso só prova que amizade supera qq barreira, inclusive a fria barreira do mundo virtual.

Até mais.
Bjs

Diógenes de Souza 5 de setembro de 2008 11:51  

Às vezes acreditamos que apenas com o contato físico é que os sentimentos estimulados podem ser verdadeiros. Bobagem. Ainda mais nos dias de hoje, em que podemos estabelecer relações diversas, em contextos ainda mais inusitados, encontrando outras pessoas que, assim como nós, acreditam de verdade dos sentimentos mais puros. Abraço!

Priscila Freitas 5 de setembro de 2008 12:03  

Engraçado que a internet junta pessoas que nunca se encontrariam, mas que são iguais no jeito de pensar ... e a amizade é isso aí, é saber amar o outro com todos seus defeitos e problemas, reconhecendo que é semelhante a você.


bjs

ahh, ainda tá abrindo o mercado livre
hahahaha

Marcos Freitas 5 de setembro de 2008 14:51  

A verdadeira amizade é algo maravilhoso, algo lindo...

Também tenho amigos que me doam uma amizade desprendida de qualquer interesse, me sinto especial, isso é lindo.

Klero 7 de setembro de 2008 23:39  

amigo pisar na bola é uma das poucas coisa que me deixa mal, mesmo.

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO